WEBMAIL | ÁREA RESTRITA
CSS based drop-down menu
 
 
Vereadores de Três Lagoas ouvem a comunidade sobre qualidade nos serviços de energia elétrica
 
Primeiros passos da Comissão de Inquérito é apurar a opinião da população


>>17/09/2018

Vereadores que formam a comissão de inquérito (CI) que vai investigar reclamações sobre a qualidade nos serviços de energia prestados pela concessionária Elektro realizaram reunião pública, na manhã desta segunda-feira (17), para ouvir setores sociais e empresariais e apresentar o esboço do que será realizado ao longo das investigações e foram unânimes quanto à necessidade de participação comunitária para que a companhia melhore o atendimento.

O consultor Jenner Ferreira, contrato pela Câmara para dar consultoria jurídica durante a CI, explanou aos presentes que as concessionárias de energia respondem a regulação específica e que o aspecto da qualidade no fornecimento do produto energia deverá ser analisado dentro dos parâmetros regulatórios definidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Segundo Ferreira, os trabalhos da Câmara serão pautados pela percepção que os clientes têm quanto à qualidade do produto, dos serviços e do atendimento prestados e se esta percepção corresponde às regras técnicas exigidas dentro da regulação. “Vamos ouvir para saber o que o consumidor acha ruim e o que acha que a Elektro não atende. Por isso, é importante a participação da sociedade civil organizada”, afirmou.

Ferreira disse que, após ouvir os consumidores, os dados serão validados para, a seguir, ocorrerem as oitivas para questionar os agentes envolvidos, que são, tanto a empresa, quanto a ANELL e o Conselho de Consumidores, este último, um órgão externo consultivo, estabelecido em lei e formado para justamente monitorar a concessionária.

Nesta segunda-feira, os vereadores Ivanildo Teixeira (presidente), Jorginho do Gás (relator) e Realino (membro), ouviram representantes do Sindicato Varejista, Associação Comercial, Procon e outros setores, que confirmaram reclamações frequentemente recebidas na Câmara, quanto à iluminação pública, queda de tensão, interrupções no fornecimento, deficiências nos canais de atendimento e demora na resolução de problemas em geral.

Na parte da tarde, segundo o vereador Ivanildo, os membros e equipe jurídica visitaram algumas instituições para colher mais informações, reclamações e sugestões que farão parte do processo a ser desenvolvido.

A CI também informou que deverá ser criado um canal para ouvir a sociedade sobre a qualidade dos serviços da Elektro.

 



 
03/12/2018 10:00
30/11/2018 11:00
28/11/2018 08:50
27/11/2018 12:59
27/11/2018 10:13